LinkedIn: 3 dicas para tornar sua empresa relevante nessa rede social

As redes sociais já se consolidaram como parte importante do dia a dia de grande parte da população. Elas informam, entretém e reúnem grupos de interesses similares em torno de uma mesma conversa. No caso do LinkedIn, essas características também são realidade: se há alguns anos a plataforma era vista por muitos usuários como um amplificador de currículos e vagas de emprego, hoje ela já conquistou sua merecida relevância e se consolida como uma das principais mídias para o mercado corporativo.

No LinkedIn, muito mais do que manter seu perfil profissional ativo e atualizado, o usuário pode formar uma rede e abastecê-la com conteúdo relevante – seja por meio do compartilhamento de notícias em alta no mercado ou mesmo pela divulgação de artigos autorais, que se tornaram grandes aliados de quem busca visibilidade na rede.

Abaixo, separamos algumas dicas de como produzir conteúdo relevante no LinkedIn:

Tendências

Uma das formas de ser lido no LinkedIn é escrever sobre o que sua rede deseja. Para isso, é essencial acompanhar as tendências do setor em que atua e a própria rede social irá te ajudar a fazer isso.

Nem todos sabem, mas diariamente o LinkedIn promove uma curadoria de temas em alta na plataforma. A partir daí, é possível ter uma ideia de conteúdo relevante que, consequentemente, irá gerar engajamento.

Como estamos falando de uma rede de perfis profissionais, cautela nunca é demais. Portanto, procure se mante longe dos assuntos polêmicos e ser objetivo no conteúdo, que deverá ter até sete parágrafos, idealmente.

Personalização

O maior valor das redes sociais, todos sabem, é a capacidade de manter proximidade entre os seus interlocutores – do cantor que se aproxima do seu fã aos amigos de infância que se reencontram, por exemplo.

No LinkedIn, isso também é uma verdade. Portanto, procure conhecer bem suas conexões e formar uma rede que tenha interesses convergentes. Se você atua no mercado da comunicação, por exemplo, faça contatos com pessoas das mais variadas áreas (mídia, marketing, criação, design, entre outros) e produza conteúdo assertivo, de interesse do segmento.

Ao mostrar que conhece sua audiência, você gera credibilidade e confiança no seu conteúdo – que também deve ser bem embasado em pesquisas. Afinal, você está escrevendo para um público qualificado e entendido do assunto.

Materiais de apoio

Outra forma de cativar o leitor no LinkedIn – assim como em outras plataformas sociais – é usar recursos complementares ao texto. Hoje, os vídeos são a cereja do bolo na produção de conteúdo e prendem a atenção do usuário. Se tiver a oportunidade, inclua um material audiovisual à sua postagem, ele pode ser autoral ou compartilhado de fonte confiável.

Além dos vídeos, podcasts e áudios em geral também vêm conquistando a audiência. Procure conhecer o que está em alta na sua área e compartilhar como sugestão para a sua base de seguidores – dicas são sempre bem-vindas e mostram que você está ligado nas tendências.

Mais um recurso válido para o LinkedIn é o uso de hashtags. Apesar de terem se popularizado em outras redes, como o Instagram, elas também agregam à plataforma corporativa e podem ser utilizadas com segurança.

Gostou do artigo? Então aproveite e faça o download gratuito do nosso e-book!

Cadastre-se para novas atualizações

Cadastre seu email e receba nossos novos artigos relacionados ao Marketing Digital.

Não se preocupe. Também não gostamos de SPAM.

Obrigado! Seu email foi cadastrado com sucesso.

Cadastre-se para novas atualizações

Cadastre seu email e receba nossos novos artigos relacionados ao Marketing Digital.

Não se preocupe. Também não gostamos de SPAM.

Obrigado! Seu email foi cadastrado com sucesso.

Pin It on Pinterest

Share This
× Fale no Whatsapp!