A melhor maneira de não ter seguidores/fãs no Twitter e Facebook

A melhor maneira de não ter seguidores/fãs no Twitter e Facebook

Loading Likes...

Hoje empresas de publicidade, agências digitais e profissionais freelance, estão utilizando serviços irregulares para conquistar mais seguidores no Twitter ou fãs no Facebook, será que os clientes destes profissionais, sabem a qualidade deste trabalho ou o tipo de técnica utilizada para aumentar suas redes sociais. Descubra ou pesquise mais, o ponto de partida já foi dado, leia a matéria feita pela Folha de São Paulo sobre este assunto:

Quanto vale seguir alguém no Twitter? Ou “curtir” uma página no Facebook ou um vídeo no Youtube? Tem preço? Segundo sites no Brasil e no exterior, tem.

Serviços como Popular Fans, Social Jump, Big Follow e Twitter King oferecem esquemas dos mais variados, incluindo alguns irregulares, que colocam um seguidor do Twitter, por exemplo, valendo de R$0,0006 a R$0,31.

Os mais baratos em geral são “fantasmas”, contas criadas por computadores, que só tuítam spam. Não interagem, servem só para engordar o número de seguidores.

Com preços acessíveis, a compra de fãs no Facebook e seguidores no Twitter atrai tanto usuários comuns como agencias de publicidade que  tentam turbinar a popularidade de seus clientes.

“Nosso serviço é polêmico, muita gente critica. As pessoas inflam seus números [de seguidores no Twitter ou “likes” no Facebook] de forma artificial, principalmente por validade, em busca de fama”, contou a Folha o programador Rafael Franco, 29, que administra ao menos quatro endereços com serviços do tipo.

No Brasil, um modelo popular de compra para o Twitter é baseado em usuários que aceitam seguir outras pessoas em troca alguns seguidores. Funciona assim: quem digita seu nome de perfil e senha do microblog em sites como o Big Follow passa a ser seguido na hora por até 20 perfis. Em troca , o usuário é obrigado a seguir de volta nãos só esses mesmos 20 perfis mas também as contas de clientes VIP, que pagaram por pacotes de ao menos 500 seguidores. Além disso, quem se cadastra passa a mandar tuítes automáticos de publicidade.

E os seguidores são todos reais? “Não tem como ter 100% de controle dos perfis falsos. Tem gente que cria um falso para testar o produto antes de colocar o seu perfil real. Mas é uma minoria”. Afirmou Bruno Maciel, 22, administrador de três endereços.

Os serviços existem há mais de dois anos, mesmo desrespeitando as regras estabelecidas pelo Twitter.

Um dos 19 termos contra spam do microblog diz que o usuário pode ser suspenso se ele “usar ou promover websites de terceiros que prometem atrair mais seguidores” ou se “seguir um grande número de usuários em um curto período de tempo”.

No exterior, é comum a venda a baciada, com a entrega de até 16 mil seguidores em duas horas por R$10.

Para o Facebook, existem outras estratégias. “Temos uma rede internacional de pessoas que pagamos para ‘curtirem’ páginas. É gente aleatória que faz qualquer coisa por um pouco de dinheiro”, disse ao jornal “The New York Observer” Matthew Prepis, diretor de uma agência de New Jersey (EUA).

Questionado pela Folha, o Facebook afirmou, em toda nota, que “incentivar alguém a ‘curtir’ uma página é uma violação dos termos de serviço”.

A irregularidade não é um impedimento para sites como o brasileiro Add Likes, que oferece pacotes de cem “curtidas” por R$5 e de mil “curtidas” por R$400.

Quanto custa um seguidor?

Confira o que oferecem os serviços que vendem fãs nas redes sociais

Popular Fans
popularfans.com

DE US$ 79,95 (500 seguidores)
US$ 4.499,95 (50 mil)

Diz que entrega mil seguidores em três semanas e que as contas são reais. Por taxa extra, promete seguidores de temas específicos, como tecnologia ou esportes.

Big Follow
www.bigfollow.net

DE US$ 500 (5.000 seguidores)
US$ 35 mil (500 mil)

Brasileiro, tem um serviço gratuito, em que o cadastrado ganha dez seguidores, se compromete a seguir outros 35. Entre esses 35 estão clientes vips, que compram pacotes.

Social Jump
socialjump.com

DE US$ 35 (mil seguidores)
US$ 210 (10 mil)

Paga outras pessoas para que sigam clientes no Twitter ou “curtam” vídeos no YouTube.

Add Seguidores
addseguidores.com.br/

R$50 por mês (de 4.000 a 5.000 seguidores)

Brasileiro, é similar ao Big Follow: quem se cadastra de graça ganha 10 seguidores, tem que seguir 70 pessoas, incluindo os assinantes pagos, e passa a tuitar propaganda.

Nikki Larson
fiverr.com/nikki_larson

U$ 5 (5.000 seguidores)

Programador da Índia que diz que 80% dos seguidores vão “parecer reais”, sinal de que são contas falsas. E promete devolver os U$ 5 se os fãs não surgirem em 5 horas.

Twitter King
fiverr.com/twitter­_king

U$ 5 (16.000 seguidores)

Outro programador, este da Indonésia, também promete entregar, em duas horas, seguidores que vão “parecer reais”. E permite dividir seguidores em cinco perfis.

Programador que vende seguidores diz que procura aumenta com eleição; conta de humorista cresceu de 900 para 70 mil

Será que este tipo de serviço vale a pena?

Bruno Maciel, técnico em computação, afirma ter 600 mil perfis cadastrados em seus três serviços

Marco Couto, 28, é empresário, presidente de ONG e pré-candidato a vereador em São Paulo pelo PSDB. Em começo de carreira política, comprou seguidores no Twitter para “Se aproximar do eleitor”. Sua assessoria contratou um serviço VIP, e a conta do político saltou de 500 para mais de 44 mil seguidores em menos de seis meses.

“Esses meios de comunicação ajudam demais em todos os sentidos. É uma ferramenta para trocar ideias com o eleitor”, disse Couto por e-mail, embora tuíte mais sobre a vida pessoal do que sobre sua plataforma política.

O mesmo fez o comediante paulistano Marcelo di Morais, que há três meses pagou R$750, parcelados em 12 vezes. Sua conta de 900 seguidores foi para 70 mil desde então. Ele a usa para divulgar seu show semanal e uma rede de TV on-line da qual é diretor artístico.

“Tem um movimento bem maior. Eu posto muita besteira, e muita gente cumprimenta, xinga ou retuíta. É uma interação forte”, disse Marcelo. “É tudo muito novo, você fica tentando mobilizar pessoas para tentar capitalizar de alguma forma, seja em acessos no meu blog, no meu show ou na TV.”

Bruno Maciel opera um serviço de troca e venda de fãs e seguidores desde 2009, no mesmo escritório de um clube náutico em Formiga, no interior de Minas Gerais, onde tem um emprego com computação. O primeiro trabalho, segundo ele, dá mais retorno financeiro.

“Tem muita gente famosa que paga, atores, apresentadores de TV. Tem agência de publicidade que chega com oito ou 15 clientes de uma vez”, disse Bruno, que não revela os nomes de seus clientes. “A maioria que paga mais divulgação. Dá para trabalhar melhor [divulgar uma marca, por exemplo] com um perfil de 100 mil seguidores do que com um de 300.” Em época de eleição, contou ele, a procura aumenta muito.

Bruno disse que cuida do serviço sozinho, já que é tudo automatizado por um programa criado com ajuda de um desenvolvedor estrangeiro. E que tem 600 mil perfis cadastrados no serviço gratuito de seus três endereços.

Quem se cadastra no troca-troca segue também seus clientes pagos, os VIPs, que não costumam passar de 30 perfis por vez. “Caso contrário, o pessoal do serviço gratuito reclama”, explicou.

“SERVIÇO COMUNITÁRIO”

Rafael Franco, outro administrador de serviço similar, não gosta do termo “venda de seguidores”. “É acesso ao nosso sistema, que é uma comunidade de troca”, afirmou ele, cuja conta pessoal do Twitter tem mais de 75 mil seguidores. Ao ser questionado sobre quantas pessoas realmente devem ler seus tuítes, ele respondeu: “Nem 10%”.

FOnte: Folha de São Paulo

Como conseguir novos seguidores de maneira estratégica

Como conseguir novos seguidores de maneira estratégica

Loading Likes...

Olá pessoal.

Tenho utilizado há alguns meses uma ferramenta muito interessante e estratégica para conseguir novos seguidores e também para agendamento de tweets.

Com esta ferramenta você tem as seguintes funcionalidades:

  1. Busca de tweets/seguidores por palavras-chave;
  2. Busca por Cidade, Estado ou País;
  3. Faz auto-follow agendado. Você pode estipular que seu twitter siga determinadas pessoas de acordo com o filtro que você fizer.
  4. Faz unfollow automatico. Você pode deixar de seguir pessoas que não te seguem automaticamente.
  5. Faz agendamento de tweets.
  6. Faz Follow Back Automático.
  7. Muitos outros filtros para chegar até os seguidores que são seu público-alvo.

A licença desta ferramenta é bem em conta. Com U$74,00 você consegue instalar até 5 perfis na mesma ferramenta. Pelas funcionalidades que ela oferece acho um valor bacana.

 

Twitter: 8 dicas para conseguir seguidores qualificados

Loading Likes...

Logo que nos cadastramos no twitter, entendemos como funciona e começamos a dar nossas primeiras “twittadas”, o próximo passo que desejamos seguir é responder a seguinte pergunta: Como eu posso obter mais seguidores? Ou melhor, Como eu posso ter seguidores qualificados em meu twitter?

No Facebook, Twitter ou qualquer outra mídia social, a qualidade no envolvimento com a rede é inúmeras vezes mais importante que a quantidade de seguidores, porém, o fato de ter pessoas qualificadas e segmentadas te seguindo pode fazer com que o seu twitter se torne um sucesso rapidamente. Afinal, você pode escrever os melhores twittes, mais engraçados ou entrar num ponto que ninguém do universo tenha entrado, mas se ninguém interessante tiver te seguindo para disseminar essa informação, nada disso importará.

Existem diversas ferramentas e maneiras na internet de fazer com que tenhamos mais de 1000 seguidores do dia para a noite. Comprar seguidores em bancos de dados chineses, tailandeses, brasileiros, javaneses é uma delas. Fazer follow mútuo é outra maneira. Porém, este é um assunto para outro post e não creio que seja isso que você deseja para o seu canal no Twitter. Nas redes sociais, o principal é interagir, conversar, ouvir, mensurar. Se você não faz isso com seu twitter ou o twitter de sua empresa então está na hora de mudar ou começar tudo de novo se já acabou caindo nesta furada.

Vamos às dicas:

1 – Pense em quem seguirá você

Como eu disse anteriormente existem listas para vender na internet que farão com que você tenha seguidores de maneira muito rápida, mas isso é para pessoas que não se importariam de ter aquela profissional do amor seguindo você ou você seguindo ela em seu twitter como eu presenciei outro dia de um político muito conhecido de Londrina. Qual a imagem que isto pode passar para seus seguidores ou eleitores? Seguir todo mundo pode não ser uma boa idéia, então pense antes em quem você deseja que siga você e em quem você seguirá de volta.

Anote em uma planilha no excel ou documento do word as pessoas, empresas, clientes em potencial, blogueiros, influenciadores que você gostaria de ser seguido e concentre seus esforços nisso e lentamente você conquistará uma base sólida de seguidores. (mais…)