Inbound Marketing: Como aplicar essa estratégia na minha empresa?

Inbound Marketing: Como aplicar essa estratégia na minha empresa?

Loading Likes...

Com o uso cada vez mais frequente de redes sociais, sites e blogs, os setores de marketing e de vendas se viram obrigados a inovar na hora de atingir e consolidar novos clientes. Como um setor está inteiramente ligado ao outro, o marketing digital passou a ser a fonte de geração de clientes à empresa, que serão levados à compra pelo setor de vendas. Para isso, o momento da atração é um dos mais importantes, e o Inboud Marketing é a solução mais eficaz da atualidade.

Empresas de diversos ramos e portes vêm aplicando o Inboud Marketing para atrair seus leads. Esse termo se refere às empresas ou pessoas que entram em contato ou acessam os sites ou redes sociais de uma empresa, e têm potencial para serem futuros clientes. Para isso, os conteúdos relevantes publicados no site, redes sociais e blogs da empresa são o alicerce dessa técnica de Marketing Digital.

(mais…)

5 maneiras de gerar vendas no e-commerce usando o Facebook

5 maneiras de gerar vendas no e-commerce usando o Facebook

Loading Likes...

Como usuários do Facebook, todos nós já estamos acostumados a ver algumas propagandas no feed. Se você prestou atenção, deve ter percebido que os anúncios no Facebook não são apenas de grandes empresas, mas também de negócios pequenos e médios. Se prestou mais atenção ainda, talvez tenha percebido que o tipo de publicidade que aparece para você é diferente do que aparece para seus amigos.

Isso porque o Facebook cria um alcance personalizado para seus anúncios, o que aumenta as chances de interesse do público. Isso acontece com a ajuda da própria marca que está sendo veiculada, através de ferramentas integradas que ajudam a mapear os dados do público-alvo.

Esse é um dos motivos pelos quais os anúncios no Facebook realmente funcionam. O site Adweek já comprovou a eficácia dessa técnica de marketing com um estudo; chegaram a conclusão de que o retorno comum do investimento em Facebook Ads é de 152% no ecommerce. Nada mal, hein?

Então, você que tem uma loja virtual e está procurando meios de aumentar o número de vendas, já deveria estar considerando anunciar no Facebook. Entretanto, talvez você já tenha tentado e não deu muito certo. Afinal, o que aconteceu então, se para tantas outras empresas essa estratégia funciona tão bem?

Não esqueça de que o site é apenas um meio para chegar ao seu objetivo. Para que os anúncios funcionem, é preciso um esforço conjunto na criação do conteúdo com o Facebook, para que ele não só alcance muitas pessoas, mas que seja interessante o suficiente para que as pessoas realmente cliquem. Veja algumas dicas de como deixar seus anúncios atraentes e, consequentemente, gerar vendas em sua loja:

Defina o seu público-alvo

É claro que você quer o maior número de pessoas adquirindo seus produtos, mas nada é vendido da mesma forma para todo mundo. Se você trabalha com produtos de maquiagem, por exemplo, seu maior público será composto de mulheres. Se seus produtos são infantis, você precisa alcançar os pais das crianças, que se encaixarão em uma faixa etária mais elevada.

Analise seu e-commerce e veja bem quem se atrai por ele. Com essas informações em mãos, você não só vai informar o Facebook desses dados, como também avisará sua equipe de criação. As propagandas devem ser elaboradas com base nesse público-alvo, relacionarem-se com ele e não soarem genéricas. Só não esqueça, claro, de alinhar também o conteúdo com o valor e a visão da empresa.

 

 

Evite cliques de curiosidade

Por mais tentador que possa parecer, por gerar mais cliques, não adianta muito na prática que os anúncios não estejam com todas as informações. O preço, as condições de pagamento ou de envio são exemplos de esclarecimentos que podem ser expostos desde o começo. Isso evitará uma grande quantidade de cliques que não se transformarão em vendas, e aproximará o anúncio de quem está realmente disposto a conhecer o produto com todas as suas condições.

 

 

Incentive o acesso

Ainda que você queira evitar os curiosos, é claro que alguma coisa precisa chamar a atenção – mais do que o preço ou qualquer outra informação. Algumas palavras específicas costumam funcionar bem, como “barato”, “novo”, “menor [preço]” ou “grátis”. O senso de urgência também é uma boa ideia, como promoções de tempo limitado ou avisos de “últimas peças”.

 

 

Capriche nas imagens

Anúncios com imagens são os melhores, definitivamente. O olho humano se atrai primeiro para a imagem de um post em quase todas as situações, e ela dará o tom da publicidade. Por isso, é muito importante que as fotos usadas não sejam genéricas demais ou não mostrem o produto anunciado claramente.

Para garantir uma boa imagem em anúncios de Facebook, reúna esses pontos: mostre o produto, só use arquivos com boa qualidade, deixe a imagem limpa, e mostre os elementos da foto na ordem em que devem ser vistos pelo leitor.

 

 

Use o AIDA

AIDA é a nomenclatura de um modelo de texto que serve para aumentar o engajamento do público. Ele significa Atenção, Interesse, Desejo e Ação, e narra basicamente o processo pelo qual o cliente deve passar ao ver o anúncio. Facebook Ads vêm com limite de caracteres, então o modelo é ótimo para checar se os leitores realmente conhecerão todos esses passos.

 

 

Inbound Marketing. Como isso pode alavancar minhas vendas?

Inbound Marketing. Como isso pode alavancar minhas vendas?

Loading Likes...

O Inbound Marketing é o nome dado a um conjunto de estratégias capazes de atrair a atenção dos clientes de um determinado segmento, transformando estes potenciais clientes em futuros compradores.

Ocorre que com a globalização e as possibilidades de ampliação de mercado, com o advento da internet e a convergência de diversas mídias, o comércio representativo pela compra e venda de produtos ou simples prestação de serviços conseguiu avançar e quebrar barreiras tanto geográficas quanto conceituais.

Empresas que, antes, eram pequenos negócios de família ou focadas em nichos bastante segmentados, encontraram o potencial ideal para desenvolver toda uma linha de produtos focada no perfil diversificado de cada cliente. Com isso, ampliou-se também o leque de informações disponíveis sobre os mais variados tipos de produtos e serviços referentes a estes negócios.

Com a tecnologia na palma das mãos já não ganha mais quem grita mais alto, mas sim quem convence melhor o seu cliente.

E para convencer um cliente sobre a qualidade do produto ou de sua prestação de serviços, existe todo um trabalho calcado no Inbound Marketing, ou seja, a produção de conteúdos específicos que seguem uma linha de planejamento e estratégias, com a finalidade de atrair o público-alvo (lead) mais rapidamente e de forma mais barata do que através dos anúncios convencionais.

Estes conteúdos são veiculados no site da própria empresa, nos blogs de informação segmentada, nas redes sociais e nos principais meios de comunicação direta com os clientes: WhatsApp, Twitter, Instagram, entre outros.

Atualmente, o mercado possui um público consumidor cada vez mais fiel, consciente de seus direitos, e o principal: muito bem informado. Isto porque, ao contrário do que ocorria há 50 ou 60 anos, hoje a concorrência é maior e mais pluralista, e pretende oferecer um leque de variedades e oportunidades bem maior, para atender a todos da mesma forma.

Uma empresa de doces, por exemplo, que antes fazia apenas bolinhos com uvas-passas, hoje oferece não apenas uvas, mas frutas vermelhas, frutas cítricas, chocolate amargo, ao leite, com uma massa folheada, integral, enfim: dos mais variados tipos. Ela busca servir a clientes que poderão consumir o doce independentemente de possuírem ou não complicações como diabetes.

Como fazer este produto destacar-se no mercado senão através destas estratégias de Inbound Marketing? O cadastro de clientes em harmonia com estas estratégias já é tão bem utilizado que muitas empresas contam até mesmo com programas nos quais os clientes podem experimentar estes produtos e avaliá-los quanto à qualidade e o sabor.

E podem eles mesmos emitir as suas opiniões para o público geral que ainda estiver em dúvida sobre adquirir os produtos ou serviços! Este tipo de estratégia, combinada com a devida campanha para cada público específico, é denominada Inbound Marketing. E existem diversas outras estratégias que, combinadas com conteúdo informativo de qualidade, tendem a converter estes leads em clientes para a empresa.

Existem, por exemplo, blogs de moda que apresentam tendências e mostram em detalhes diversos tipos de combinação de roupas e peças íntimas. Tais blogs conseguem levar a informação por si só, e atrair a atenção de um público que acaba interessado pelo produto, através da divulgação.

O mesmo ocorre com empresas do setor imobiliário. Pesquisas são apresentadas, mostrando as áreas de melhor e maior valorização de mercado tanto para quem deseja investir quanto para quem quer morar. Nestas pesquisas, mostra-se o quanto tais negócios são realmente oportunos e não devem, portanto, ser desperdiçados.

Afinal, o preço do metro quadrado está em baixa e tende a valorizar; a região é considerada segura e com ótima infraestrutura – haja vista os comentários de quem já reside nesta área; e há também a questão da tecnologia, que oferece o maior conforto pelo melhor custo-benefício.

O Inbound Marketing é um trabalho extremamente minucioso e que não pode ser realizado por qualquer profissional ou suposta agência de publicidade. É preciso saber como, porque e quando é o melhor momento de criar algo de impacto para cada tipo de cliente.

Uma agência como a nossa, com certificação em Inbound Marketing pela Hubspot e Marketing de conteúdo pela Rock Content, pode ser a saída para alavancar quaisquer negócios. Sabemos como valorizar o potencial e a qualidade dos produtos e mostrar a seus consumidores por que eles são os melhores do ramo.

Por que o storytelling deve fazer parte de sua estratégia de conteúdo?

Por que o storytelling deve fazer parte de sua estratégia de conteúdo?

Loading Likes...

Storytelling é uma palavra em inglês, e está relacionada com uma narrativa ou melhor dizendo a capacidade de contar histórias relevantes.

Consiste em um método que utiliza palavras ou recursos audiovisuais para transmitir uma história. Esta história pode ser contada de improviso ou pode ser uma história polida e trabalhada.

Com o excesso de informações ao qual as pessoas têm sido submetidas, a tendência natural do interlocutor é fazer um bloqueio contra todo tipo de propaganda sobre produtos ou marcas que aparecem nas mídias, sejam elas no online ou off-line.

Assim, a grande necessidade de se contar histórias, trazendo um maior envolvimento emocional por parte daqueles que interage com a mídia. As pessoas tendem a prestar maior atenção em situações que possam leva-las a uma reflexão ou que tenha muito a ver com o seu cotidiano e realidade de vida. (mais…)

11 dicas para ter inspiração em seu blog

11 dicas para ter inspiração em seu blog

Loading Likes...

Blogar é uma tarefa difícil. Não somente pensando no tempo que leva para isso, mas também em como podemos organizar e colocar na telinha tantas idéias que nos vêm na cabeça. Isso pode ser uma jornada complicada.

Mas, apesar de todo tempo que demanda para escrever, o blog pode ser uma grande ferramenta de marketing social para pequenos e grandes negócios.

Pensando nisso, agrupamos algumas idéias que podem te ajudar em seu fluxo criativo e publicá-las no seu blog com a maior rapidez possível.

(mais…)